terça-feira, 12 de outubro de 2010

Não se pode aceitar este bloqueio

Bloquear o acesso ao site thepiratebay.org é um acto contra o estado de direito porque:
  • É um acto de censura política.
  • A ideologia política que defende o livre acesso à informação e à cultura, conhecida como Pirata, é uma ideologia com expressão mundial, oficializada em vários países do mundo, tendo já eleito 2 deputados ao parlamento europeu pelo circulo da Suécia (Christian Engström e Amelia Andersdotter), e 2 vereadores na Alemanha e 1 vereador na Suíça.
 Democracia:
  • Nas democracias os tribunais aplicam as leis, os parlamentos elaboram-nas, o povo elege-os.
  • Quando os tribunais aplicam leis anacrónicas penalizando comportamentos socialmente aceites, a democracia  dá ao povo o poder alterar as leis, por via dos seus representantes legitimamente eleitos. 
Descriminação injustificada
  • Não solicitarem o bloqueio de outros motores de busca como google.com, yahoo.com ou sapo.pt, como milhares de outros.
  • Tanto o thepiratebay.org como os supracitados exemplos são indexadores de informação. Contém os links para onde está a informação, mas a informação não está nos seus servidores
  • Acresce que à excepção do thepiratebay.org, os sites referidos têm subdomínios que esses sim contém informação protegida com direitos de autor: video.google.com, videos.sapo.pt, tube.aeiou.pt
  • Nem todos os videos que estão nesses sites são protegidos, é certo.
  • Da mesma maneira que nem todos os links que estão no thepiratebay.org contém informação protegida.
O serviço público do site thepiratebay.org
  • O site thepiratebay.org ajuda a difundir informação contida no wikileaks.org, site que tem dado a conhecer ao mundo muitas das atrocidades e atentados contra os direitos humanos. [mais]
  • Os torrents, ou magnet links, indexados pelo thepiratebay.org são utilizados pela NASA para difundir imagens da Terra. Estes ficheiros, pela sua dimensão sobrecarregariam imenso mesmo os servidores da NASA.
  • O download directo faz uma ligação ponto-a-ponto entre o servidor e cada utilizador. Se estiverem 1000 utilizadores a descarregar ao mesmo ficheiro, 1000 ligações ponto-a-ponto independentes.
  • Os magnet links permitem fazer ligações multiponto-multiponto, ou seja cada utilizador separa o download em múltiplas fracções, e pode ir buscar qualquer uma dessas fracções a um qualquer utilizador que já a tenha descarregado. Desta forma o servidor não tem de alimentar todos os downloads.
  • Pesquisando por torrent no site das publicações científicas com mais reconhecimento na área da Engenharia Electrónica, o Institute of Electrical and Electronics Engineers (IEEE), encontram-se 134 artigos, com vários do ano de 2010. 
  • As vantagens destes protocolos são tão vastas, que os mesmos têm sido alvo de uma intensa investigação científica. 
A internet pode existir sem motores de busca, mas não é a mesma coisa
  • Se eliminássemos todos os motores de busca e ficássemos só com os links dos nossos Favoritos, podíamos visitar esses favoritos sempre que quiséssemos?  Podíamos.
  • Podíamos visitar um qualquer link que um amigo nos enviasse por email? Podíamos
  • Podíamos visitar um site com exploração sexual de menores? Não porque é ilegal, mas o link não desaparece porque desaparece o motor de busca.

Sem comentários:

Enviar um comentário