terça-feira, 5 de maio de 2009

Continuar a pagar um serviço suspenso

Os ISPs franceses eram contra a lei HADOPI porque ao cortarem o acesso a todas as pessoas volta e meia sacam uma música ou um filme, ficavam sem clientes. Mas Sarkosy ofereceu-lhes o artigo Art. L. 331-28 que reza que a suspensão implica a continuação do pagamento do serviço. "La suspension de l'accès mentionnée aux articles L. 331-25 et L. 331-26 n'affecte pas, par elle-même, le versement du prix de l'abonnement au fournisseur du service. L'article L. 121-84 du code de la consommation n’est pas applicable au cours de la période de suspension." [La Quadrature]

Opinando Ainda nos queixamos do nosso governo